Einstein e Deus

A neve cumprimentava a escola primária Volksschule, em Munique. Naquela sala estava ninguém mais que Einstein, um dos maiores físicos que o planeta já testemunhou. O professor lessionava e dizia:

– Viram, crianças, então se existe o mal, e Deus criou tudo, Deus também criou o mal. – Einstein se levantou de sua cadeira e disse.

– Com licença, professor. O frio existe?

O professor, embasbacado com tamanha obviedade resmungou. – Que tipo de pergunta é essa? Claro que existe! Você nunca sentiu frio? – E Einstein continuou.

– Não, professor. Na verdade, o frio não existe. Segundo os as leis da física o frio é apenas a ausência de calor. 

O professor o olhava num tom dúbio e rancoroso. E o menino prosseguiu.

– A escuridão existe, senhor?

– É claro que sim.

– Não. O escuro também não existe. É apenas a ausência de luz. A luz pode ser estudada, não o escuro – E, de forma genial, concluiu – O mal, portanto, não existe. É igual ao frio e à escuridão. Deus não criou o mal. O mal é apenas o que acontece quando o homem não tem o amor presente em seu coração.

Anúncios
  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: